MulherArte Resenhas 19 | “Do jeito da gente”, de Terezinha Malaquias, por Elen Arcangelo

 

MulherArte Resenhas 19 | “Do jeito da gente”, de Terezinha Malaquias, por Elen Arcangelo

 

Do jeito da gente, de Terezinha Malaquias, é a perfeita junção de uma obra infantil, lúdica e também consciente. A história é narrada em primeira pessoa por Alice, uma adorável garota de dez anos que vive em São Paulo com seus pais e sua irmãzinha Thaís. Alice nos conta um pouco do seu cotidiano: seu dia-a-dia na escola, seus passeios favoritos e a convivência com a sua família.

Por ter uma criança como narradora, o livro ganha um nível de personalidade muito forte e aumenta a conexão público infantil com a obra, como se tivessem ganhado uma nova amiga, ao mesmo tempo, a linguagem simples e descontraída torna a leitura agradável e acessível para todos(as).

Num complemento perfeito e acrescentando charme e delicadeza, a obra é permeada por lindas ilustrações aquareladas de Sandra Sampaio Rodrigues.  

O ponto mais interessante do livro são as análises e percepções da Alice sobre o mundo que a cerca, como quando ela diz que cada coleguinha é diferente baixo ou alto,com cabelos compridos ou curtos, olhos verdes ou castanhos..., mas que, na verdade, todos somos iguais.

Esse é o tipo de situação com a qual toda a criança irá se deparar, e a conclusão de Alice é uma ótima introdução para abordar temas como o respeito, a inclusão e a igualdade, que são cruciais para a formação de pessoas solidárias e empáticas.

O livro dá uma forte base para que as crianças possam pensar sobre o tema a partir de suas próprias vivências. Ao final, os leitores são convidados a contar suas experiências nas páginas como uma conversa entre a Alice e seus colegas.

É importante ressaltar que o livro também trata sobre o bullying e promove a valorização das crianças através de suas próprias características. 

A representatividade, portanto, não é um conceito que passa batido pela leitura, somos contemplados com trechos que exaltam a importância da nossa auto-estima.

O fato do livro ser bilíngue, porém ter um discurso bastante simples, torna-o muito útil como uma ferramenta para apresentar uma nova língua às crianças. A comparação entre um idioma e outro pode ser feita de maneira clara e por isso, a obra é uma excelente facilitadora na compreensão do texto em língua estrangeira.

Por fim, “Do jeito da gente” é uma obra multifacetada que nos oferece elementos para abordar diversos assuntos com as crianças,  portanto altamente recomendada para quem procura literatura infantil de qualidade.


Terezinha Malaquias

Artista formada pela Edith Maryon Kunstschule Freiburg (Alemanha), onde mora há 11 anos. Aos 11 anos, só que de idade, foi quando apaixonou-se pela poesia, e essa paixão virou amor.
Autora dos livros Modelo Vivo I e II, Menina Coco (português/alemão) e Teodoro (português/inglês). Participou de antologias no Brasil, nos Estados Unidos, na Alemanha e em Portugal. www.terezinhamalaquias.com intsagram @terezinhamalaquias

 

Elen Arcangelo

Leitora voraz e entusiasta da literatura, Elen começou a revisar e resenhar textos profissionalmente para contribuir com o mercado editorial independente. Hoje vivendo no litoral paulista com seu marido, oferece mentoria de escrita a autores iniciantes, bem como leitura crítica. Seu trabalho pode ser acompanhado no instagram @revisora.elen.arcangelo

Comentários

PUBLICAÇÕES MAIS VISITADAS DA SEMANA

Mulher Feminista - 16 Poemas Improvisados - Autoras Diversas

200 palavras/2 minicontos - por Lota Moncada

A POESIA FANTÁSTICA DE ROSEANA MURRAY | PROJETO 8M

Nordeste Maravilhoso - Viva as Mulheres Rendeiras!

De vez em quando um conto - Os Casais - por Lia Sena

Cinco poemas de Eva Potiguar | Uma poética de raízes imersas

Preta em Traje Branco | Cordel reconta: Antonieta de Barros de Joyce Dias

UM TRECHO DO LIVRO "NEM TÃO SOZINHOS ASSIM...", DE ANGELA CARNEIRO | Projeto 8M

Uma resenha de Vanessa Ratton | "Caminho para ver estrelas": leitura necessária para a juventude

Resenha 'afetiva' do livro O VOO DA GUARÁ VERMELHA, de Maria Valéria Rezende