ABI Inter | a Revista Ser MulherArte agora é membro!

A Revista Ser MulherArte foi aprovada como membro da ABI Inter - Associação Brasileira de Imprensa Internacional

Essa é uma novidade muito honrosa para o nosso coletivo da Revista Ser MulherArte, para todas as colaboradoras, colunistas e nossos leitores. Em nome da Revista, fiz a inscrição, sem saber se a revista (e eu, em seu nome) teríamos chance de ser aprovadas. É para mim uma alegria receber uma carta em resposta com muitas informações importantes para essa nova associação da qual agora fazemos parte. 

A nossa revista foi criada em fevereiro deste ano e, desde então, nosso coletivo tem trabalhado com muito empenho para ser não só apenas mais um veículo de divulgação, mas estar entre os que fazem um trabalho sério, diferenciado, criativo, original, sem plágios, sem imitações, e sem desrespeito aos direitos dos leitores e do material veiculado. Tudo isso, claro, sem sair do nosso objetivo, que é o de dar visibilidade às mulheres com todas as suas artes de uma forma abrangente, profissional e sem preconceitos.

Em Maio deste ano a Revista Ser MulherArte recebeu o Prêmio Excelência e Qualidade Brasil 2020 da Associação Brasileira de Liderança, de São Paulo. Isso nos orgulhou muito, mas não fez com que relaxássemos o trabalho, porque não é a vaidade que nos move e, muito menos, a competição. O que nos move é o amor pela arte e o sincero sentimento de sororidade. Quem faz parte da revista hoje sabe disso. 

Neste mês de Setembro tive a honra e a satisfação de ter recebido um outro prêmio que me motivou muito, o de Destaque Internacional de Literatura Brasileira, pelo voto popular. Aconteceu durante os eventos virtuais do Encontro Mundial de Literatura Brasileira 2020, promovido pela Focus Brasil NY, que também incluiu a criação da Academia Internacional de Literatura Brasileira. Orgulhosamente passei a fazer parte dos Destaques da Academia e também constar no Catálogo Internacional de Escritores Brasileiros. 

Esse reconhecimento todo em tão pouco tempo de vida da revista, agora se juntou à aprovação como membro da ABI Inter. Como há leitores de língua portuguesa espalhados em todos os continentes e a revista tem crescido de forma rápida e positiva, inclusive em várias mídias e com edições de livros, este apoio da ABI Inter (inclusive juridicamente) torna-se mais do que necessário. 

Quero aproveitar a oportunidade para agradecer a todas as colaboradoras, colunistas, leitoras e leitores e, em especial, à querida professora e escritora gabaritadíssima, atenciosa, muito competente e amiga Divanize Carbonieri, nossa editora adjunta.  Ela está há pouco tempo trabalhando na edição e administração da revista, mas parece que sempre estivemos juntas, tal é a harmonia, eficiência e ajuda mútua. Diva me surpreendeu positivamente desde o primeiro dia que iniciou conosco. Não que eu pensasse que ela não tivesse a competência. O que me surpreendeu foi a rápida e perfeita integração, além da comunicação, que de tão perfeita, chega a ser quase telepática. Para ela, tiro o meu chapéu! 

Obrigada a todas e todos vocês que leem e apoiam a revista, porque vocês são parte importante dessa engrenagem, fazendo com que tenhamos ainda mais motivação. 

Aquele abraço! 


Chris Herrmann
Editora


Comentários

  1. Sinto-me feliz por ti, Chris Hermmann, reconhecimento merecido, pela tua trajetória, tua atuação intensiva, o cuidado com cada publicação, cada leitor, cada escritora ou escritor que integram a Revista Ser MulherArte. No meu caso, também a alegria de constar com e-book 'Folhas dos dias", no catálogo do Selo Editorial Ser MUlherArte. Desejos de voos contínuos a ti, e todos os que te cercam. Haja Luz e Literatura! Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi um prazer editar seu livro (que é pura poesia e lindíssimo) pelo nosso selo, Tere. Muito obrigada pela confiança no nosso trabalho e pelo seu depoimento delicado e generoso. Um abraço.

      Excluir

Postar um comentário

PUBLICAÇÕES MAIS VISITADAS DA SEMANA

Divina Leitura | O mito da beleza por Naomi Wolf e suas consequências para a vida das mulheres contemporâneas

Era uma vez 11 I Literatura infantil inclusiva da brasiliense Alessandra Alexandria

Improvisos & Arquivos | árvore/poemas - publicação coletiva

Cinco poemas de Eva Potiguar | Uma poética de raízes imersas

Cinco poemas de Angela Dondoni | "Transmutar"

Tertúlia Virtual | uma ideia genial de Marta Cortezão

Resenha do livro infantojuvenil A ÚLTIMA FOLHA, de Adriana Barretta Almeida

Uma crônica de Guiniver | "Essenciais e Perfumados"

Um conto de Carmen Moreno | "Dora"

Três poemas de Maria Cleunice Fantinati da Silva | "Intensa(mente) temperamental"