Yedda Maria Teixeira | o prêmio da arte de amar


Foto: Joana, Aloysio Filho, Yedda Maria Teixeira, na inauguração da Praça Aloysio Maria Teixeira, com a escultura do desembargador, vista aqui sentada num banquinho, tal e qual a do Drummond na Praia de Copacabana | Fonte: hildegardangel.com.br

A arte de amar até as últimas consequências 

por Chris Herrmann


Yedda Maria Teixeira foi uma mulher muito ativa no Rio de Janeiro, à frente de uma rede de hotelaria. Trabalhava com muita dedicação, implantando uma série de ideias e melhorias. Além disso, ela tratava a todos os funcionários com respeito, assim como também foi muito admirada e respeitada. Viúva do Desembargador Aloysio Maria Teixeira e mãe do ex-deputado e empresário Aloysio Maria Teixeira Filho, demonstrava estar à frente de seu tempo com sua postura firme, independente e altamente humanista.

Foto: Aloysio Filho, Yedda Maria Teixeira e Joana

O mais surpreendente na história de vida da senhora Yedda, é que ela abdicou de seu trabalho como empresária de sucesso, “abriu mão de todas as alegrias da vida” (como disse seu filho Aloysio) para dedicar-se integralmente à Neneca, sua filha doente (PcD). O amor e a solidariedade falaram muito mais alto em seu peito de mulher e mãe, do que uma carreira bem-sucedida e de destaque na imprensa e nos meios sociais.

D. Yedda faleceu no dia 21/2/2014, um dia após completar 99 anos, com parada cardíaca. Ela descansou de sua vida de luta, de coragem, de resignação, e deixou para sua família, amigos e admiradores um grande exemplo de força, coragem, solidariedade e amor incondicional. Certamente que ela não será esquecida. 

Foi com essa admiração que o Prof. Bayard do Coutto Boiteaux idealizou o Prêmio Yedda Maria Teixeira, desde então, agraciando todos os anos personalidades que se destacam com um trabalho relevante e que acrescente benefícios ao Rio de Janeiro em diversas áreas de atuação. O prêmio é outorgado pela Associação dos Embaixadores de Turismo do Rio de Janeiro, do qual Bayard é Vice-presidente.

Com a pandemia deste ano, a cerimônia de premiação com a entrega do Troféu a cada um dos agraciados foi realizada no dia 8 de Novembro último, virtualmente, pelo canal no YouTube da Associação dos Embaixadores de Turismo do Rio de Janeiro. A edição de 2020 teve novas categorias que, segundo o presidente da associação Claudio Castro, a diretoria decidiu incluir as que identificassem superação na pandemia. Contou também com um forte time de jurados: Ana Botafogo, Aristóteles Drummond, Christovam de Chevalier, Clovis Casemiro, Lu Valença, Luiza Nobre, Manoela Ferrari, Paulo Roberto Direito e Sonia Baggetti.


A cerimônia virtual completa pode ser assistida no canal da Associação no YouTube, através deste link: 

Abaixo, os agraciados (por ordem alfabética de categorias):

• Arte: Leonardo Haus (Teatro Casa Grande)
• Diversidade: Ricardo Gomes (Presidente da Câmara de Comércio e do Turismo LGBT do Brasil)
• Divulgação: Yuri Antigo (Society RJ/SP e Diário do Rio)
• Empreendedorismo: Arnaldo Niskier (CIEE)
• Inovação: Thiers Montebello (presidente do TCM-RJ)
• Midia Digital: Chris Herrmann (Revista Ser MulherArte)
• Personalidade: Margareth Dalcomo (médica e pesquisadora)
• Reinvenção: Fábio da Luz Rodrigues (Start up Trigo e Luz Corporation)
• Resiliência: Arnaldo Bichucher (Liguia)
• Solidariedade: Isabella Maltarolli (Solar Meninos de Luz)

A Comissão organizadora indicou 2 menções honrosas:
Ana Matoso (Blog Vibre na Viagem)
Fabio Martins (Nice Via Apia Turismo)

Como editora da Revista Ser MulherArte, registro aqui meu agradecimento à Diretoria da Associação dos Embaixadores de Turismo do Rio de Janeiro, à comissão julgadora e a todos os envolvidos na organização deste belíssimo evento pela honra concedida ao meu trabalho e à esta Revista.  Estendo este agradecimento a todas as colaboradoras e colunistas do nosso coletivo. Em especial, à nossa editora adjunta Divanize Carbonieri que tem feito um excelente trabalho no apoio à administração e na edição das matérias. É um privilégio trabalhar com vocês e é com vocês que eu divido este troféu!

Comentários

PUBLICAÇÕES MAIS VISITADAS DA SEMANA

Machismo estrutural | Quando a imprensa também exclui as mulheres

Uma resenha de Marta Cocco | "Uma Diva na passarela estreita do Jabuti"

Um poema de Mar Becker | "à parte do reino"

Uma série pictórica de Neide Silva | Flores do Cerrado

Cinco poemas de Tatiane Silva Santos | "No sonho"

De Prosa & Arte| Nosso Corpo não é Bagunça!

IX Tertúlia Virtual | Vozes e Olhares de uma Poética do Feminino

Um conto de Ciça Ribeiro | "O doce bombom"

Para não dizer que não falei dos cravos | Um poema de Ricardo Leão