Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Literatura Infantil

Para não dizer que não falei dos cravos 02 | "PEDRA", livro infantil de FILIPE MACEDO

Imagem
  Para não dizer que não falei dos cravos...(02) ... eu falo sobre o livro infantil  PEDRA de FILIPE MACEDO   A MENINA QUE SE CHAMA PEDRA E QUE CONVERSA COM PASSARINHOS PEDRA (Ciranda Cultural/2020) é um livro infantil escrito por FILIPE MACEDO e lindamente ilustrado por Luci Sacoleira. Nessa obra tão bela e rara, o escritor Filipe Macedo conta a história de uma menina muito diferente. Sabem por que ela é diferente? Só porque ela tem um nome que não é comum! Sim, isso mesmo, ela se chama Pedra! Pedra é uma menina que nasceu em uma cidade chamada Mar Vermelho. Quando ela nasceu, seu pai a achou tão linda, mas tão linda, que deve ter pensado: '- puxa vida, minha filhinha é tão linda que parece uma pedra preciosa!' Por isso mesmo resolveu batizá-la de Pedra, 'a mais bonita e preciosa de todo o mundo' , pensou o pai, todo encantado! A mãe acabou concordando com o nome da filhinha e, então, estava resolvido! Enquanto era pequenina, Pedra era feliz da vida, brincava pe

SOBRE AS OBRAS DA ESCRITORA, JORNALISTA E EDITORA SIMONE PAULINO | Projeto 8M

Imagem
fotografia do arquivo pessoal da autora   8M (*) Mulheres não apenas em março. Mulheres em janeiro, fevereiro, maio. Mulheres a rodo, sem rodeios nem receios. Mulheres quem somos, quem queremos. Mulheres que adoramos. Mulheres de luta, de luto, de foto, de fato. Mulheres reais, fantasias, eróticas, utópicas. Mulheres de verdade, identidade, realidade. Dias mulheres virão, mulheres verão, pra crer, pra valer! (Nic Cardeal) Hoje é dia de homenagear a incrível  SIMONE PAULINO , porque ela é múltipla na palavra - como jornalista e escritora; porque ela é plural ao espalhar a palavra - como fundadora da "Editora Nós" e, agora, sócia-fundadora da "Nossa Éditions"! A escritora Simone: (*) "Como Clarice Lispector pode mudar sua vida" "Quando passei a ler apenas com a emoção, Clarice entrou e se instalou de forma definitiva na minha vida. Até se tornar quase tão indispensável para mim quanto meu pão de cada dia. Aos poucos, ela se transformou num apoio ind

Lançamento | "O mundo dos bichos" de Maria José Esmeraldo Rolim

Imagem
  Lançamento O mundo dos bichos de Maria José Esmeraldo Rolim A escritora Maria José Esmeraldo Rolim lançará seu livro infantil O mundo dos bichos em sua versão para o francês, Le monde des animaux , no 1o Salon International du Livre et de la Culture de Geneve (1o Salão Internacional do Livro e da Cultura de Genebra) no dia 17 de maio de 2021 às 13h (horário de Brasília) na Sala Nigéria. O lançamento será transmitido ao vivo pelo Canal do Youtube Cultive. Assista também ao desenho animado:  Maria José Esmeraldo Rolim também estará divulgando seus outros livros: Violência: dos laços familiares aos bancos escolares , La violencia y el bullying en las escuelas: como prevenir y corregir , entre outros. Maria José Esmeraldo Rolim é professora, doutora em Educação e pesquisadora sobre a violência. Nasceu em Floriano - Piauí. Fundou o Espaço Cultural Cristino Castro na sua cidade, onde funciona um Museu Zezé Castro, com objetos dos pioneiros da cidade, com uma biblioteca e miniteatro. O E

Resenha 'afetiva' do livro infantojuvenil PREGUIÇA, CORAGEM E OUTROS BICHOS, de Priscila Prado

Imagem
(capa do livro Preguiça,  coragem e outros bichos ) UM LIVRO VIVO FAZ VOCÊ POETAR E PINTAR BICHO! PREGUIÇA, CORAGEM E OUTROS BICHOS (Curitiba: Edição do autor, 2012), é um livro interativo de poesia infantojuvenil, finalista do Prêmio Jabuti 2013 na categoria paradidático, escrito por  Priscila Prado e ilustrado por Christiane Coelho, Clara Yamada, Eve Ferretti, Gerson Cordeiro, Marcelo Lopes, Marcia Széliga, Mari Ines Piekas e Priscila Sanson. Logo de cara a autora te convida para colorir uma grande mata povoada de galhos, folhas, flores e bichos de todos os tipos! Depois desse delicioso exercício, já é possível um doce mergulho MATA ADENTRO, onde "(...) ruídos silvestres de seres pacíficos/flores e olhos de bicho/ - atenuam a penumbra - (...)" (2012, p. 5) da trilha. Chega a vez do lagarto: será todo esse verde da floresta verde-escuro ou verde-claro? Para saber desse mistério, só mesmo perguntando ao senhor MISANTROPO! Do chão verde seguem os olhos ao azul lá do alto: vo

ERA UMA VEZ 13 I A memória na literatura infantil da escritora Paula Perin

Imagem
  " Enquanto isso, Ditinho Mal conseguiu trabalhar, Pensando no seu sapato, No seu baú a brilhar... Passou o dia doidinho Querendo o bichinho calçar! Esses são alguns dos versos que compõem a história de Ditinho do livro O sapato de Ditinho da escritora Paula Perin. Paula Perin é doutora em Linguística, professora de Escrita Criativa e Acadêmica, autora de “O sapato de Ditinho” e “O drone de Tonico”, idealizadora do Projeto “Escrita que Transforma” e do “Literatura sem Fronteiras”. "Depois de um longo período tentando me encontrar na vida, de me privar dela para dar conta dos desafios de conciliar carreira, estudos e família, encontrei na escrita uma forma de me conectar com minha criança interior e resgatar as coisas importantes que me fazem feliz.  Uma dessas coisas é a escrita literária", revela a escritora. Desse processo de reinvenção, surgiu seu primeiro livro, O sapato de Ditinho , livro inspirado em uma memória da sua infância. Ditinho era o nome ca

ERA UMA VEZ 12 I A escritora e ilustradora brasiliense Grazi Ferreira

Imagem
  “E mais uma vez, num passe de mágica, seu desejo foi atendido e Giovana voltou a ser a menina de sempre. Sentiu aliviada ao se ver refletida no espelho” . Esse trechinho faz parte do livro O anel da fada Pléin da escritora e ilustradora Grazi Ferreira. No livro   Giovana é uma garota que quer ser igual às outras e espera que fada Pléin atenda a seus desejos usando o anel mágico. Mas a fada tem outros planos, e quer que a menina entenda que bom mesmo é sermos diferentes. Esta história mostra que é importante se conhecer e construir a própria identidade, desenvolvendo autoconfiança e uma imagem positiva de si. Graziele Ferreira é brasiliense, formada em Pedagogia, mãe, escritora e desenhista infantil. Inspirada por sua filha, começou a colocar em prática um desejo antigo de dar vida aos personagens infantis. Desde criança Grazi desenha e cria personagens, também fazia livros artesanais, porém esses trabalhos sempre ficaram guardados e foram vistos apenas por pessoas mais próximas; e

Era uma vez 11 I Literatura infantil inclusiva da brasiliense Alessandra Alexandria

Imagem
“E a menina emocionada deixou um belo recado para todos que não se aceitam como são.  Ela ensinou que nós somos diferentes e únicos.  Algumas pessoas são baixas, outras são altas.  Algumas tem a pele clara, outras tem a pele escura  e também tem as pessoas com alguma deficiência física,  mas nada disso importa, precisamos respeitar o outro como ele é.”   Esse trecho pertence ao livro A borboleta e a menina da escritora Alessandra Alexandria. A Borboleta e a menina foi uma história criada no último estágio na Faculdade de Educação da autora. “Fui professora estagiária de uma aluna especial na educação infantil. Ela uma criança linda, impossibilitada de andar. Adorava borboletas e gostava também de segurar a corda para os amigos brincarem de pula-corda. Foi ela quem me motivou escrever esta história”, nos conta Alessandra.  A história gira em torno de uma menina com deficiência física, que tem muitos sonhos e gostaria de ser uma borboleta para conhecer vários lugares. E a borboleta