Fazendo arte com minhas gatas - Chris Herrmann


Tudo começou em Maio de 2018, quando adotamos a Luna, uma gata siamesa muito graciosa. Não é segredo para os meus amigos que eu amo gatos e já tive vários quando era criança e adolescente. Senti que era a hora certa de dividir nossa casa com bichinhos também. Depois da Luna encher a nossa casa de alegria, travessuras e pequenas aventuras diárias (quem tem gatos, sabe disso), surgiu a ideia de fazer uma página para ilustrar isso no Instagram. Meses depois, adotamos mais uma gatinha: a Janis. E assim aumentamos a família e o estímulo para continuar a trabalhar essas aventuras com artesanato, arte digital, rock, e muito mais. A “brincadeira” foi ficando séria e reconhecida também com prêmios, como foi o do site Haigatos. Abri uma página também no facebook. Abaixo, uma pequena mostra com imagens e vídeos de alguns desses momentos gostosos e artísticos que Luna e Janis me provocaram e inspiraram. 🤍



Gatas & Artesanato





Gatas & Haikai



Gatas & Rock Clássico & Arte Digital





Gatas & Vídeos-delícia








Prêmio Haigatos 2019





No site, temos mais uma gama de textos sobre gatos & artes que os involve (ou que eu os involvo, hehe), bem como um mini-shop e blogue interativo. 

Instagram: @lunacatfluencer
Facebook: lunacatfluencer

Comentários

Postar um comentário

PUBLICAÇÕES MAIS VISITADAS DA SEMANA

A terapia da palavra em quatro poemas da jovem escritora Maria Luiza Brasil

PodPapo 07 | Entrevista com a cantora e multiartista Lica Cecato

A beleza no humanismo e na denúncia da poesia de Edir Pina de Barros

PodPapo 09 - entrevista com a escritora, editora e coordenadora do Focus Brasil NY Nereide Santa Rosa

Um conto de Marithê Azevedo | "Céu Escuro"

Para não dizer que não falei dos cravos | Poemas e videopoemas de Rogério Bernardes

Três poemas de Dayane Soares | Uma poética do tempo e da ancestralidade

Um miniconto de Silviane Ramos | "De que cor ficou?"

Divina Leitura | As multiplicidades de "Santuário" de Maya Falks

Quatro poemas de Helenice Faria | Uma poética da resistência